abilio pacheco

professor de literatura (ufpa), escritor e revisor de textos

tampando o sol

Posted by Abilio Pacheco em 5 de junho de 2013

Uma reflexão hiper importante para os dias de hoje:

– Quando a gente tenta tampar o sol com a peneira o que acontece?
– A peneira cobre cerca de 4, 7 ou 10% da área que seria total da área da peneira.
– Como assim? Pensei que o sol todo passasse.
– Não. É que a borda da peneira faz uma sombrazinha, sabe?
– Nunca tinha pensado nisso.
– É que você não entende que isso de tampar o sol com a peneira é uma arte, uma ciência.
– Sério!?
– Sério. Exige muita disciplina, muito estudo, muita técnica. E depende de muitos fatores.
– …
– Depende do tamanho da peneira, da grossura da borda, da espessura da teia, da distância entre a peneira e aquilo que se quer cobrir.
– Da intensidade do sol!?
– Isso. Você está pegando o jeito. E não se esqueça que o quanto você puder falar sobre o resultado será muito importante para o resultado.
– A sombra será maior?
– Este um dos segredos dessa arte. Não importa a sombra em si, mas o que se entende por sombra.
– É Shakespeare, né? Se eu chamar uma pedra de rosa, vou sentir a pedra perfumada.
– Mais ou menos isso.

Abilio Pacheco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: